sexta-feira, 2 de abril de 2010

*1-PÁSCOA, FORÇA TOTAL* *2-O PASSADO E OS "EX"*





*PÁSCOA, FORÇA TOTAL*

Pascal, força total.
Páscoa, ressurreição de Cristo.
Vida nova, mudança fenomenal.
Paz, harmonia, perdão.

Páscoa, coelho, ovos de chocolate, dinheiro, falta de
dinheiro; compras ou vontade de comprar; bolso cheio
ou vazio; comer ou não comer chocolate; e se chocar
com os preços, apenas late, não chore. Assim passa o
desejo insistente. RSRSRS!!!

***Ana Maria Gonçalves***
(A primeira imagem é da internet)
***A foto seguinte, é minha, Ana Maria***


*O PASSADO E OS "EX"*

Uma situação constrangedora em um relacionamento é quando
um dos dois resolve embarcar no túnel do tempo. Para que
falar sobre antigos namorados, relembrando aquela viagem
que fizeram há cinco anos, contando todos os seus pormenores?
Isso é uma dupla indiscrição, além de não interessar a ninguém.

Seu atual namorado, além de correr o risco de uma crise de
ciúmes retroativa, não precisa ficar ouvindo as suas
memórias sentimentais. Isso passa a sensação de que você
não se desligou das pessoas que foram importantes na sua
vida e que, portanto, não estaria pronta para ligar-se a ele.
Além de ser chato mesmo, muito chato!
Seus "ex" também não merecem ter suas vidas devassadas para
um completo estranho. Imagine se os seus antigos namorados
resolvessem contar suas intimidades por aí: você iria gostar?

Certo, há situações em que o passado nos explica. E, no
desejo de nos fazer conhecer, contar histórias antigas pode
ajudar a esclarecer gostos, gestos, traumas, desejos...
Nós somos aquilo que vivemos e não devemos simplesmente
passar a borracha em tudo o que tenha sido importante em
nossa vida.
Sempre que você se sentir numa situação assim, procure não
dar nome aos bois. Conte as histórias sem os personagens.
No máximo faça uma referência a "um namorado que eu tive",
sem dizer quem foi. Assim, o seu atual ficará com a
sensação de que o importante na história não é o outro e,
sim, a situação que você viveu. E ele não será obrigado
a conviver com uma lista de antecessores. Para seu novo
amor, não haverá o João, o José, o Márcio, o Alfredo e,
sim, uma entidade mais ou menos abstrata.

E se ele faz questão de falar sobre as antigas namoradas?
Não tenha dúvida: peça a ele que também conte o milagre
sem contar o santo, isto é, o nome da "fulana". Com
certeza, vocês se sentirão muito mais à vontade.

(Etiqueta sem Segredos, por Claudia Matarazzo)
(Imagem da internet)

4 comentários:

Sonia Schmorantz disse...

Páscoa...
É ser capaz de mudar, 
É partilhar a vida na esperança, 
É lutar para vencer toda sorte de sofrimento.
É ajudar mais gente a ser gente, 
É viver em constante libertação, 
É crer na vida que vence a morte.
É dizer sim ao amor e à vida, 
É investir na fraternidade, 
É lutar por um mundo melhor, 
É vivenciar a solidariedade.
É renascimento, é recomeço, 
É uma nova chance para melhorarmos 
as coisas que não gostamos em nós, 
Para sermos mais felizes por conhecermos 
a nós mesmos mais um pouquinho. 
É vermos que hoje...
somos melhores do que fomos ontem.
Feliz Páscoa!
Um abraço

Cadinho RoCo disse...

Feliz Páscoa.
Cadinho RoCo

Daniel Savio disse...

Páscoa é uma das datas que temos de encontra com Jesus, mas todos os dias podemos fazer este encontro tão especial...

E feliz páscoa menina, para ti e a tua família.

Desculpa estar meio distante, mas infelizmente, o trabalho está meio complicado.

Fique com Deus, menina Ana Maria.
Um abraço.

Solange Maia disse...

Ana,

esse papo de falar dos "ex" é no mínimo deselegante...

deixo aqui um beijo carinhoso e o desejo de uma linda Páscoa !!!

beijos