sábado, 31 de maio de 2008

Meus Contrastes


ONTEM: Tudo que passei foi uma lição, que
me ensinou a caminhar;
Tropecei, mas levantei; levei pontapés, também
dei os meus.

Fui criticada, a cabeça ergui; os covardes
tiveram dó de mim, mas não fizeram nada.
As línguas de fogo usaram o meu nome;
tiraram o meu sobrenome e riram de mim.
Mas posso rir por último.

Me tiraram a felicidade, desnortearam
minha cabeça, me fez desacreditada
e dúvidas apareceram. Desviaram meus passos,
reprovaram meus sonhos, escureceram meus
ideais, destruiram meus objetivos e
apagaram minha fé.

Roubaram minha preciosidade, assassinaram
minha juventude, podaram minha alegria e
enfraqueceram meus dons. Atravessaram na
minha frente, contagiaram minhas pegadas,
cobriram com desilusões as minhas ilusões
e as minhas decisões.

HOJE: Estou rindo e contente; ergui a cabeça,
não tenho dúvidas do que decidi e caminho
bem firme.
Minha mente é iluminada, tracei outros ideais
e acendi minha fé.
Rejuvenesci e ressuscitei. Hoje me sinto
fortalecida, com os pés no chão,
sigo sem receio; me descobri.

Sou determinada e coloquei uma luz no meu
caminho e estou sabendo viver; agora sou
eu mesma, meu bom astral é contagiante.
Sou decidida, capaz e forte.
"SOU FELIZ"

*Pode acreditar: Hoje vivo a juventude e a
mocidade que antes não pude viver.
Me sinto jovem, bonita, atraente,
elegante e bem experiente.
Sei quando, como e onde pisar.*
"HOJE VIVO"

(Ana Maria Gonçalves)

2 comentários:

Multiolhares disse...

Quando nos sentimos resolvidas por dentro,
Quando olhamos o espelho essa beleza interior resplandece
Bj

xistosa disse...

Feliz de quem está de bem com o seu interior.
A felicidade é dupla.